O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Pagina Inicial Tradutor Cursos Artigos Vídeos Fotos Calendário Ecológico Eventos Quem somos Contato  

 

Notícias
Plantio de Floresta Sustentável: Rio Deserto vence Prêmio Expressão de Ecologia
Tamanho da letra


Com o projeto Plantio de Floresta Sustentável, relacionado ao florestamento e reflorestamento, a Rio Deserto conquistou o 27° Prêmio Expressão de Ecologia, a maior premiação ambiental do Sul do Brasil, com reconhecimento no Ministério do Meio Ambiente.

Ao todo, 164 projetos, de organizações do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, concorreram ao título, sendo apenas 27 premiados.

No Sul Catarinense, a Rio Deserto é a única empresa a receber o reconhecimento.

Esta é a terceira vez que a Rio Deserto conquista o Prêmio Expressão de Ecologia. A primeira premiação foi em 2011, com o projeto “Conhecendo os Animais Silvestres da Rebio: Reserva Biológica do Aguaí”.

Em 2018, por sua vez, a empresa venceu com o projeto “Ozônio – Balanço de Massa e de Energia do Tratamento da Drenagem Ácida de Mineração”.

Neste ano, devido à pandemia Covid-19, a avaliação dos trabalhos foi realizada, pela primeira vez, de forma digital.

Todos os projetos inscritos serão divulgados no Guia de Sustentabilidade 2020, um anuário especial da Editora Expressão (digital e impresso) que circula em outubro.

O evento de premiação, com entrega do troféu Onda Verde aos vencedores, ainda será agendado.

O Prêmio Expressão de Ecologia existe há 27 anos, sendo a premiação ambiental brasileira com maior longevidade.

Nesse período, já recebeu a inscrição de 2.920 cases de empresas, ONGs, prefeituras e entidades da Região Sul do país.

Saiba mais sobre o projeto da Rio Deserto

A Rio Deserto possui uma cultura de preservação e respeito pelos recursos naturais.

Por isso, desenvolve o projeto Plantio de Floresta Sustentável em terrenos localizados nos municípios de Orleans, Siderópolis, Treviso e Urussanga, no Sul Catarinense.

O objetivo desse projeto, acompanhado pelo analista florestal da Rio Deserto, João Adriano Ribeiro, é a produção de madeira sustentável por meio do plantio de espécies exóticas de rápido crescimento.

O plantio e o manejo da floresta visam o respeito ao código florestal e às legislações vigentes, com o intuito de proteger os mananciais, a vegetação local e, principalmente, as florestas nativas.

O projeto também contribui de forma significativa para a captura e a consequente redução de dióxido de carbono na região, fundamental na mitigação de emissões de gases de efeito estufa.

O manejo utilizado promove a deposição de galhadas, folhas e cascas, fazendo com que parte dos nutrientes absorvidos pelas árvores seja devolvido ao solo.

A manutenção dessa matéria orgânica auxilia significativamente na redução dos processos erosivos.


Colaboração: Vanessa Nórdio/Comunicação Rio Deserto
Fonte: Içara News

   
       
 
10/08/2020 - Poluição luminosa está mantendo as aves acordadas de noite (e isso é um problema)
10/08/2020 - Papel higiênico 100% sustentável vira adubo após uso
10/08/2020 - Como a Costa Rica desacelerou, parou e depois reverteu o desmatamento de florestas tropicais
10/08/2020 - Empresa alemã cria gerador de energia solar portátil
10/08/2020 - Milhões de animais são traficados no Brasil todos os anos
10/08/2020 - Projetos de limpeza não são suficientes para coletar todo o plástico oceânico, diz estudo
10/08/2020 - Sensor sem bateria alerta contra incêndios florestais
10/08/2020 - Pantanal vive uma das maiores tragédias ambientais da sua história
10/08/2020 - Em uma semana, Nordeste bate 3 recordes de geração eólica

 

     
Notícias | Tradutor | Cursos | Artigos | Vídeos | Fotos | Calendário Ecológico | Eventos | Quem Somos | Contato
© Copyright 2011 Meio Ambiente News - Todos os direitos reservados