O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Pagina Inicial Tradutor Cursos Artigos Vídeos Fotos Calendário Ecológico Eventos Quem somos Contato  

 

Notícias
Vettel afirma que “seria estúpido” F1 ignorar questões ambientais
Tamanho da letra

Sebastian Vettel mostrou ter preocupação com questões ambientais. O alemão apontou que seria estúpido a Fórmula 1 não se importar com o importante assunto, ainda mais sendo uma categoria mundial e com grandes avanços tecnológicos

Sebastian Vettel se mostrou preocupado com a atual situação do mundo.
 
O tetracampeão admitiu que seria estúpido caso a Fórmula 1 simplesmente ignorasse questões ambientais que têm se colocado importantes.
 
Lewis Hamilton sempre foi um grande defensor do meio ambiente.
 
Além de ter vendido o seu avião e não permitir que sua equipe use plástico, o hexacampeão também adotou uma dieta vegana – sem nenhum produto de origem animal.
 
Essa ideia de levar uma vida mais sustentável rendeu inclusive críticas ao titular da Mercedes.
 
Pilotos como Romain Grosjean, Fernando Alonso e Lucas Di Grassi, o último ao GRANDE PRÊMIO, vieram a público questionar os ideais do #44.
 

Entretanto, o #5 agora apontou a importância da categoria se preocupar com questões ambientais.

“A Fórmula 1 é um esporte internacional e com uma plataforma operacional ao redor do mundo.Então, com todos os fatos que estão disponíveis hoje em dia, não pode negligenciar e ignorar o que está acontecendo no mundo. Isso seria estúpido”, disse

“Então é justo perguntar opiniões e tudo mais, e obviamente muitas pessoas acompanham e são inspiradas pela F1 e acho que a categoria deve fazer muito mais do que está recentemente fazendo, você sabe, sobre o futuro”, seguiu.  

“Se você tem um pensamento preto e branco vai dizer que é ruim o que fazemos para o meio ambiente, pois pilotamos um carro e queimamos combustível. Obviamente que a F1 pode desenvolver motores de fórmula, tecnologias e mais que vão nos ajudar, vão ajudar a mobilidade e o transporte no futuro para tornar mais eficiente, etc”, completou.

 Vettel ainda apontou que combustíveis sintéticos podem ser uma boa solução para a F1.
 
“No momento, temos um motor muito eficiente, mas é questionável quanto dessa eficiência vai seguir. Então acho que a F1, no geral, tem uma responsabilidade, e acho que cada um de nós tem responsabilidade de liderar, liderar por exemplo, e por isso sinto que devemos fazer muito mais”.

“Introduzir combustíveis sintéticos hoje ao invés de amanhã, por que não? É possível. Nossos motores conseguem correr assim, podemos fazer isso. Temos a potência do motor, das pessoas. Com certeza não é fácil, é um desafio. Mas não é fácil encontrar mais 50 cavalos também, e as pessoas estão dispostas a investir muito dinheiro, então não deve ser uma limitação”, concluiu.

 Fonte: Grande Prêmio.com.br

   
       
 
05/12/2019 - Em audiência, Célio Studart defende fim da matança de jumentos para consumo
05/12/2019 - Número de onça-pintadas volta a crescer na mata atlântica; diz censo
05/12/2019 - *O papel econômico e ambiental do sucateiro
05/12/2019 - Semicondutores degradáveis e que esticam para aplicações de saúde e meio ambiente
05/12/2019 - Uber do entulho' ajuda no descarte adequado de resíduos
03/12/2019 - Filme biodegradável feito com fécula do cará pode reduzir uso de plástico na Amazônia
03/12/2019 - 300 milhões de pessoas ameaçadas por alta dos oceanos: “evolução do clima é irremediável”
03/12/2019 - Energia solar cresceu mais entre empresas no Brasil em 2019
03/12/2019 - A força feminina na defesa do meio ambiente

 

     
Notícias | Tradutor | Cursos | Artigos | Vídeos | Fotos | Calendário Ecológico | Eventos | Quem Somos | Contato
© Copyright 2011 Meio Ambiente News - Todos os direitos reservados