O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Pagina Inicial Tradutor Cursos Artigos Vídeos Fotos Calendário Ecológico Eventos Quem somos Contato  

 

Notícias
Justiça condena empresa a plantar 30 mil árvores em dois anos
Tamanho da letra


Desembargadores do Tribunal de Justiça condenaram a empresa a fazer o plantio de 30 mil mudas de árvores nativas

A sentença é resultado de um recurso movido pelos promotores de Justiça do MPE (Ministério Público Estadual)

Uma empresa foi condenada pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul a fazer o plantio de 30 mil pés de vegetação nativa, de pelo menos 20 espécies distintas, em dois anos.

O objetivo é fazer os proprietários da Agropecuária Ipuitã Ltda recuperarem os danos ambientais da região que exploraram.

A empresa realizava atividade mineradora na região, mas paralisou os trabalhos.

Mesmo assim promotores do MPE (Ministério Público Estadual) pediram à Justiça a condenação da empresa apontando para o “processo erosivo nas imediações onde se encontra a mina desativada”.

Eles pediram também o pagamento de indenização pelo dano causado ao equilíbrio ecológico.

Os promotores solicitaram também a recuperação da área, com pedido de condenação contra a empresa.

Eles pediram o plantio de 30 mil mudas de árvores nativas e de espécies distintas.

Um juiz condenou a empresa a resolver as irregularidades ambientais e na documentação da propriedade rural da Agropecuária Ipuitã Ltda, mas os promotores entraram com recurso reforçando a necessidade de recuperação da área e o pedido foi aceito pelos desembargadores.

O pedido de indenização foi afastado porque, segundo os magistrados, “não existem provas de que as irregularidades apuradas na área particular da fazenda da empresa causaram violação ao sentimento da coletividade”.

Todas as informações foram divulgadas pela assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.


Foto:
Arquivo
Fonte:Campo Grande News

   
       
 
05/12/2019 - Em audiência, Célio Studart defende fim da matança de jumentos para consumo
05/12/2019 - Número de onça-pintadas volta a crescer na mata atlântica; diz censo
05/12/2019 - *O papel econômico e ambiental do sucateiro
05/12/2019 - Prefeitura contrata consultoria para trazer cemitérios ao século XXI
05/12/2019 - Semicondutores degradáveis e que esticam para aplicações de saúde e meio ambiente
05/12/2019 - Uber do entulho' ajuda no descarte adequado de resíduos
03/12/2019 - Filme biodegradável feito com fécula do cará pode reduzir uso de plástico na Amazônia
03/12/2019 - 300 milhões de pessoas ameaçadas por alta dos oceanos: “evolução do clima é irremediável”
03/12/2019 - Energia solar cresceu mais entre empresas no Brasil em 2019

 

     
Notícias | Tradutor | Cursos | Artigos | Vídeos | Fotos | Calendário Ecológico | Eventos | Quem Somos | Contato
© Copyright 2011 Meio Ambiente News - Todos os direitos reservados