O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Pagina Inicial Tradutor Cursos Artigos Vídeos Fotos Calendário Ecológico Eventos Quem somos Contato  

 

Notícias
Aparições de baleias sem cauda têm preocupado cientistas
Tamanho da letra


As baleias usam suas caudas para comer, nadar e proteger seus filhotes, e a ausncia de cauda devido acidentes com interferncia humana causam, se no a morte, muita dor para as baleias

Baleias que perdem suas caudas em redes de pesca esto sendo avistadas em maior frequncia neste ano

A ascensão de aparições de baleias sem cauda tem sido fenômeno preocupante para estudioso e para os animais, que provavelmente se machucam em redes à deriva

As aparições de baleias sem cauda no oeste dos mares da América do Norte tem sido um fenômeno preocupante para os cientistas.

Desde 1985, baleias sem cauda tem aparecido ocasionalmente ao longo da costa nesta região, mas em 2018 pelo menos três baleias-cinzentas sem cauda já foram avistadas migrando para o norte ao longo da costa da Califórnia.

Mesmo sem existir sinais de que as baleias tenham sofrido ataques ou colisões com navios, cientistas dizem que provavelmente os ferimentos são consequência do entrelaçamento com redes de pesca.

Mamíferos marinhos, assim como outros animais que vivem nos mares, estão à mercê de inúmeras ameaças, como redes de pesca, a pesca em si, detritos tóxicos, plástico e outros lixos, entre outros.

E é extremamente comum redes de pesca ficarem presas na base da cauda de mamíferos marinhos, o que corta a circulação sanguínea e pode fazer o animal, se não matá-lo, sentir muita dor até perder a cauda.

Justin Viezbecke, coordenador da rede de encalhe da Califórnia para a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, afirmou ao National Geographic que o prognóstico da cauda desses animais presa por redes não é bom: “A maioria delas – se não todas elas – provavelmente morrerão por essas lesões”.

As baleias-cinzentas precisam de suas caudas como uma hélice para navegar de cabeça no fundo do mar e filtrar pequenos crustáceos.

Além disso, a longa migração da espécie de campos de reprodução no México para áreas de alimentação no Ártico se torna extremamente desafiadora sem uma cauda para potencializar sua jornada, e também baleias que são mães acabam sendo ineficazes ao tentar defender seus filhotes de ameaças.

A capacidade de alguns animais de se adaptarem à sua deficiência impressiona os cientistas.

As baleias-cinzentas sem cauda, por exemplo, torcem seus corpos para a direita de uma forma semelhante a um saca-rolhas, ganhando força para mergulhar de volta depois de emergir para respirar, mesmo sem a presença de uma cauda

Não está claro por que a ascensão desses animais marinhos sem caudas encaixa-se mais às baleias-cinzentas, mas estudiosos suspeitam que a causa seja porque elas são menos dependentes de seus filhotes do que outras espécies e, portanto, podem sobreviver por mais tempo sem suas caudas.

Formas de agir

Algumas baleias  enroscadas podem ser resgatadas para tratamento.

Especialistas em vida selvagem treinados já trataram e libertaram de volta à natureza seis desses animais marinhos sem cauda.

Encontrar uma solução a longo prazo para esses acontecimentos trágicos com redes de pesca é grande um desafio.

Os cientistas não sabem exatamente como as baleias se emaranham, ou até onde, e nem como esses animais afetados podem viajar grandes distâncias antes de serem detidos por predadores.

Mas maneiras alternativas de lutar contra redes à deriva nos oceanos tem sido a saída no momento, além de evitar o entrelaçamento de baleias nas redes durante pescas.

Equipamentos de controle tem que ser aplicados e mais estudos e projetos em cima desses animais têm que ser aprimorados para que esses belos mamíferos marinhos não continuem se adaptando às circunstâncias trágicas que passa uma baleia que vive sem a cauda.

Foto: Pixabay / PAUL NICKLEN, NATIONAL GEOGRAPHIC CREATIVE
Fonte: ANDA

   
       
 
26/06/2019 - 'Faça parte da biorrevolução hoje', conclamam os criadores de embalagem biodegradável
30/05/2019 - Servida de veneno! 31 novos agrotóxicos acabam de ser liberados
24/05/2019 - Suíços adotam lojas de lixo zero
24/05/2019 - Como limpar nossos rios?
23/05/2019 - Estado americano de Washington legaliza a compostagem humana como alternativa à cremação ou enterro
23/05/2019 - Mata Atlântica tem o menor desmatamento em três décadas
23/05/2019 - ONU lança desafio nas redes sociais e site especial para Dia Mundial do Meio Ambiente
23/05/2019 -  O óculos de sol feito com lixo plástico recolhido da praia
23/05/2019 - Tratamento de esgoto doméstico com plantas é alternativa para evitar poluição dos rios

 

     
Notícias | Tradutor | Cursos | Artigos | Vídeos | Fotos | Calendário Ecológico | Eventos | Quem Somos | Contato
© Copyright 2011 Meio Ambiente News - Todos os direitos reservados