O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

  Pagina Inicial Tradutor Cursos Artigos Vídeos Fotos Calendário Ecológico Eventos Quem somos Contato  

 

Notcias
Engenharia climtica: espalhar partculas na atmosfera para ajudar a esfriar o planeta mais barato do que se supunha
Tamanho da letra

Há quem defenda a necessidade de tomar medidas drásticas para reduzir o aquecimento do planeta, como a engenharia climática: espalhar partículas de sulfatos na atmosfera, imitando o que acontece nas erupções vulcânicas para refletir a luz solar antes desta entrar na atmosfera e, assim, ajudar a esfriar o planeta.

Um novo estudo diz que este tipo de engenharia climática é mais barato do que se supunha, com um custo anual estimado de 2 mil milhões de dólares (1,7 mil milhões de euros).

Todavia, esta abordagem para resolver o problema das mudanças climáticas é bastante controversa.

Há quem ache que pode diminuir o empenho das nações em reduzirem as suas emissões de CO2 mas o maior problema é mesmo o fato de não se poder prever as consequências de espalhar sulfatos na atmosfera superior – e entre as possíveis consequências estão secas e estragos em colheitas a nível global.

Mesmo que a engenharia climática fosse uma solução, há ainda a questão de neste momento não haver nenhum tipo de avião capaz de carregar várias toneladas de partículas até uma altitude de 20km, a altitude necessária para espalhar os sulfatos e bloquear a luz do Sol.

A Professora Joanna Haigh, do Imperial College em Londres, disse mesmo: “Este plano é uma distração que pode muito bem vir a encorajar o enfraquecimento da ação necessária para reduzir as emissões.”

A Professora acrescentou que o dinheiro seria mais bem gasto a ajudar as nações a cortar nas emissões e a proteger-se de fenómenos climatéricos extremos.

Fonte:Grenn Savers

   
       
 
06/12/2018 - Cmera escondida mostra bezerros machos sendo baleados em fazenda leiteira
06/12/2018 - *Amaznia, desconhecida dos brasileiros
06/12/2018 - reas de proteo ambiental j cobrem 15% da superfcie terrestre, diz ONU
04/12/2018 -  Aquecimento global transforma em fmeas 99% de uma populao de tartarugas marinhas
04/12/2018 - Cientistas alertam que recuperao da biodiversidade poder demorar milhes de anos
04/12/2018 - Brasil sobe no ranking dos pases mais atingidos por riscos climticos extremos
04/12/2018 - A floresta cujas rvores podem 'andar' at 20 metros por ano
04/12/2018 - Opinio: poca dura para luta contra aquecimento global
03/12/2018 - Bolsonaro critica forma como europeus defendem meio ambiente e os indgenas

 

     
Notícias | Tradutor | Cursos | Artigos | Vídeos | Fotos | Calendário Ecológico | Eventos | Quem Somos | Contato
© Copyright 2011 Meio Ambiente News - Todos os direitos reservados